3.ª Jornada Arciprestal de Catequistas - Centro Paroquial de Tabuaço


No dia 3 de fevereiro do ano em curso, realizou-se, no Centro Paroquial de Tabuaço, a Jornada Arciprestal de Catequistas das paróquias que integram o Arciprestado de Moimenta da Beira, Sernancelhe, Tabuaço. A adesão deixou todos os presentes satisfeitos.

Todo o catequista que se preze da missão que tem em mãos deve “evangelizar-se para evangelizar”.

Esta Jornada foi composta por dois workshop’s, um sobre a oração, apresentado pelo reverendo Pe. Bráulio Félix e o outro apresentado pelo prof. Fernando Batista, do Arciprestado de Vagos, da Diocese de Aveiro, Rir com Deus, a risoterapia ligada à catequese.

O Departamento Diocesano da Catequese fez-se representar pelo seu Diretor, Pe. Tozé Ferreira, e por mais três elementos, a Professora Emília, o Sr. Eduardo Pinto e Dra. Isilda Montenegro. Esta Jornada teve início com a oração da manhã, presidida pelo reverendo Pe. Ricardo Barroco, responsável arciprestal da catequese, invocando a luz do Espírito Santo, para nos ajudar a compreender melhor tudo aquilo que procuraríamos neste dia. O verdadeiro catequista deve estar em constante formação, para ser competente no anúncio da Palavra de Deus aos seus catequizandos. “Que a força libertadora do Espírito Santo impulsione as nossas decisões”.

O prof. Fernando Batista deu seguimento ao encontro com o momento de risoterapia, tendo como pano de fundo a parábola do Bom Samaritano. Algumas frases elucidativas: “Rezar é rir com Deus”, “O sorriso é a distância mais próxima entre duas pessoas”, “olhar olhos nos olhos” e sorrir!

A sessão foi um momento de riso constante que aumentava à medida que Fernando Batista nos ia propondo movimentos pela sala, com algum material específico, como narizes de palhaço, capacetes com várias expressões. O “riso” é uma ação contagiante, é um estímulo que causa alegria, graça e pode causar boas esperanças. No final, chegámos à conclusão de que podemos fazer estas práticas com os nossos catequizandos, principalmente com o intuito de os fazer descontrair e aumentar o gosto pela catequese. As nossas crianças gosta de inovar.

Não podia deixar de dizer que com este momento tão alegre todos ficámos mais recetivos aos restantes temas.

Prosseguimos com a intervenção do Departamento Diocesano da Catequese. Esta parte foi orientada pela Dra. Isilda Montenegro, que explicou passo a passo os deveres que o catequista tem que fazer antes da sua sessão de catequese. Falou da importância que tem a planificação de cada sessão. Não devemos banalizar a preparação das sessões de catequese.

Apresentou a importância dos guias. Longos, mas são uma ferramenta importante sobretudo para a nossa formação religiosa e espiritual.

Abordou também a importância e o valor do catecismo. Cada catequizando deve possuir o seu catecismo e usá-lo também durante a semana (TPC) no seio familiar. Por outro lado, o destaque ao manuseamento da Bíblia nos anos mais avançados de catequese. A Bíblia deve ser lida versículo a versículo, acompanhada de explicação.

Toda a sessão de catequese deve ter um momento de oração e terminar, quanto possível, com um cântico. E também nós acabámos este momento com um cântico que muitos conheciam da sua meninice: “Vamos dançar…”

Por fim, o workshop sobre a oração, a partir da Parábola do Bom Samaritano. Dois jovens prepararam a sala e distribuíram sugestões para a oração: “Passos da oração”, “adora e confia”, “oração do bom humor”, “rezar com a respiração”.

Começamos por vendar os olhos e de seguida o Pe. Bráulio leu a parábola, com os dois jovens a ajudar-nos a sentir, a ouvir, a cheirar, a imaginar, e a sentir a desolação com as pancadas no chão (agressão ao homem vítima dos salteadores!).

O silêncio interior abundava em nós e estávamos calmos e tranquilos, o ambiente era acolhedor, respirávamos orando e saboreando cada passagem da parábola!

Foi um momento belo, único e enriquecedor que todos tivemos e que nunca será esquecido. Foi deveras fascinante. Não há palavras para descrever.

Obrigada… é o que eu posso dizer do fundo do meu coração.

 

Elisa Pinto dos Santos

 

> ÁLBUM FOTOGRÁFICO completo na página da PARÓQUIA DE TABUAÇO NO FACEBOOK - aqui.


Todos os direitos reservados © PARÓQUIA DE TABUAÇO 2017 Realizado por Terra das Ideias